Avançar para o conteúdo principal

Esquece tudo aquilo que sabes sobre a puberdade

Existem vários mitos sobre a puberdade e sobre a forma como os jovens passam por esta fase. A verdade é que muitas vezes esta fase da vida retrata os adolescentes como verdadeiros monstros.
A adolescência é muitas vezes vista como a pior fase da vida de um jovem. O corpo muda, a nossa voz muda, a nossa pele muda, os nossos próprios sentimentos pelos outros e por nós mudam. 
Apesar de as coisas acabarem bem (na maioria dos casos), até esse dia chegar ainda existem muitos dias pela frente.
fonte
Sim, ouvir as recomendações dos nossos pais é irritante, principalmente porque eles vão repetir várias vezes as mesmas coisas, mas aqui fica uma dica: Eles sempre se repetiram e vão continuar a repetir, da mesma maneira que vais sempre ouvir a tua mãe dizer "leva um casaco". Se reparares, a tua avó diz-lhe o mesmo e com sorte (e muita genética), um dia que tiveres filhos também o vais dizer.
Pensar em sexo pode ser bom, mas constrangedor se tiveres amigos com mais experiência que tu, porque muito que te digam que nem tudo o que se diz é verdade, tu vais-te sempre acreditar nas palavras dos ditos amigos e vais querer sempre ser como eles. Não fiques triste quando vires que eles te mentiram. O sexo nem sempre é bom, pode ser constrangedor e nunca vais ter um bom desempenho na primeira vez.
Os teus amigos vão sempre ter pais mais fixes, porém lembra-te que se todos eles se queixam então é porque talvez és tu que tens sorte de ter "uns velhotes bacanos".
As drogas não fazem de ti fixe, pode parecer que sim só porque é algo que vai contra as regras, e todos nós sentimos necessidade de as quebrar, mas depois de experimentares, vai perceber que quebraste uma regra só para, supostamente, seres "fixe". És fixe naquele momento e naquele grupo de amigos e depois se tiveres sorte acaba ali. A alternativa é passares os teus dias numa clínica de reabilitação, com uma pele tão estragada que a acne que tinhas vai parecer um rabinho de bebé.
Lembra-te disto quando pensares que a puberdade é lixada, lixado é ser adolescente e não ter ninguém para te dizer as duras verdades.
Ah sim, a tua primeira saída à noite vai ser memorável, porém ao fim de umas quantas vais perceber que a magia de sair à noite e vir às horas que queremos não tem a menor piada comprado com aqueles tempos em que tinhas horas para regressar a casa sob pena de ficares de castigo... Isso sim é adrenalina!

Comentários

  1. Adorei o teu post, Teresa!
    Super fixe, a tua abordagem... leve e séria, em todos estes vários aspectos... bem importantes... e marcantes, nesta fase da adolescência!
    Beijinhos! Continuação de uma boa semana!
    Ana

    ResponderEliminar
  2. Excelente analise! Gostei muito :)
    Gostava que todos entendessem esta fase desta forma...
    Bjinhos e continuacao de uma boa semana :)
    https://matildeferreira.co.uk/

    ResponderEliminar
  3. Na verdade não é uma fase fácil...mas a vida também não é fácil...e essa é talvez a fase das grandes mudanças.

    Isabel Sá
    http://brilhos-da-moda.blogspot.pt

    ResponderEliminar
  4. É realmente uma fase complicada, mas o pior é que as coisas que dizes só nós apercebemos depois de passar a dita fase. :) Beijinhos
    --
    O diário da Inês | Facebook | Instagram

    ResponderEliminar
  5. Obrigado minha querida :D Modéstia à parte, estava mesmo. Hás-de experimentar :D

    Gostei imenso da forma como encaraste esta temática que poderia ter um teor tão sério!!! Continua :D

    NEW PERSONAL POST | A Day Off Afternoon Routine
    InstagramFacebook Oficial PageMiguel Gouveia / Blog Pieces Of Me :D

    ResponderEliminar
  6. Adorei o post
    mesmo verdade
    Beijinhos
    CantinhoDaSofia
    Facebook
    Tem post novo todos os dias

    ResponderEliminar
  7. Ola Querida:)
    Adorei o post Querida:)
    Obrigada
    New Post:www.openklosetfashion.blogspot.pt
    Instagram:@openklosetfashion

    ResponderEliminar
  8. \Que máximo :)
    O post está mesmo giro!
    Um beijinho

    ResponderEliminar
  9. Gostei muito do post, esta fase é sem dúvida uma das mais complicadas e desafiantes da vida. É preciso muita calma e tranquilidade XD

    http://ummarderecordacoes.blogs.sapo.pt/

    ResponderEliminar
  10. Gostei muito do texto, afinal, é uma fase muito complicada!
    Beijos
    BlogCarolNM
    FanPage

    ResponderEliminar
  11. A minha não foi nada complicada, eram outros tempos, não havia tempo nem maneira de complicar. Acho que hoje também se complica demais ;) :)
    Gostei muito deste teu post... e lembrei-me logo daquela frase: "levas a chave? Olha que está frio" ahahahahahahahaha
    Assim rapidinho, vou-te contar uma cena incrível, mas verídica:
    Do dia em que tive a minha paragem cardíaca, só me lembro de UMA coisa, sabes qual? Dar um beijo à minha filha, antes dela apanhar o comboio para a Faculdade, e fazer a pergunta da praxe... Tens dinheiro? Até logo ;) :)

    Beijinhos

    Tudo de bom!

    ResponderEliminar
  12. Admito que é uma fase complicada mas com moderação tudo se resolve e acaba por ser a melhor fase da nossa vida:P

    ResponderEliminar
  13. Ótimo post
    Beijinhos
    Clara Dinis
    docinhomorango7.blogspot.com

    ResponderEliminar
  14. É uma fase estranha e complicada mas admito que tenho saudades dela e saudades de ser adolescente! :)

    http://venus-fleurs.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  15. Gostei desta desmistificação de um assunto que não nos é indiferente!

    r: Muito, muito obrigada *.*

    ResponderEliminar
  16. É uma fase critica e estranha mas com essas complicações todas acabamos por crescer.
    http://retromaggie.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  17. Gosto da forma como escreves Teresa! E o tema foi muito bem escolhido! Não é uma fase fácil.
    Beijinhos
    elisaumarapariganormal.blogspot.pt

    ResponderEliminar

Enviar um comentário

Mensagens populares deste blogue

TAG| 100 perguntas que ninguém pergunta

Sabendo como eu gosto de responder a TAGs a Matilde do blog "O Cantinho da Tily", nomeou-me para este desafio bem simples e divertido. As regras são simples, responder às 100 perguntas, e nomear quem quisermos. Vamos a isso? 1. Você dorme com as portas do seu armário aberta ou fechada? Prefiro fechada por uma questão de organização, mas não me faz diferença. 2. Você leva embora os shampoos e condicionadores dos hotéis? Sim!!! 3. Você dorme com seu edredão dobrado para dentro ou apra fora? Tanto faz! 4. Você já roubou uma placa de rua? não, mas confesso que gostava de ter uma! 5. Você gosta de usar post-it? Adoro! 6. Você corta cupões, mas depois nunca usa? Sim! 7. Você prefere ser atacado por um urso ou um enxame de abelhas? Venha o diabo e escolha! 8. Você tem sardas? Nop. 9. Você sempre sorri para fotos? Quase sempre! 10. Qual é a sua maior neura? Ui se as coisas não levarem o rumo que eu quero fico do pior! 11. Você já contou seus passos enquanto você andava? Sim. 12. Você já fez x…

As férias acabaram... Como é que ficaram os animais abandonados?

Existe uma dura realidade que após as férias de verão fica esquecida. Se no inicio do verão as campanhas de sensibilização são muitas (e mesmo assim não são suficientes), a verdade é que depois dos dias dourados de verão, já ninguém pergunta o que aconteceu ao cão idoso que abandonaram às portas de uma instituição, ou então como está aquele cachorrinho que deixaram na beira da estrada.
A minha pergunta para vocês é: Afinal o abandono está a diminuir?
E infelizmente a resposta é não! No final do verão contactei várias instituições que recolhem animais e as respostas são sempre iguais: Não! Não diminuiu.
Para vos ilustrar esta realidade, pedi a várias instituições dados sobre o abandono de animais durante os meses de verão, porém só a Associação Midas no Porto é que se ofereceu para disponibilizar dados concretos:

2015 - 53 animais acolhidos pela instituição.
2016 - 107 animais acolhidos pela instituição. 
2017 - 71 animais acolhidos pela instituição.

Porém antes de começarem a bater palma…

A menina bonita

Decerto que lhe conhecem a imagem, a menina de nove anos, chama-se Kristina Pimenova, e é já considerada uma das raparigas mais belas dos últimos tempos.
A criança, é modelo para marcas como Armani, Vougue e Dolce & Gabanna, e desde os 3 anos que assina contratos milionários. Kristina Pimenova, nasceu em Moscovo, e está inscrita em agências de modelos desde tenra idade. Quem patrocinou tudo isto?! A sua mãe, Glikeriya Pimenova, também uma ex-modelo, tem levado a filha à ascensão, porém, tem também sido criticada por isso. Além de muita gente a criticar por não permitir que Kristina tenha a vida de uma criança normal, a mãe da mesma é ainda mais criticada por ter permitido que recentemente a filha pousasse maquilhada e vestida de forma pouco própria para a sua idade. Glikeriya Pimenova, gere os contratos milionários da filha, bem como as redes sociais da mesma que já tem mais de 300 mil seguidores. Porém não é o numero de seguidores que vai determinar a infância que muitos dizem p…